Sinceridade

Esses dias tive retorno na nutri.

E, mais uma vez, segui o plano dum jeito meia boca.

E, mais uma vez, fui sincera e disse: segui tudo meia boca.

Aí ela disse que não tinha muito o que mexer, porque ela tinha conseguido um plano alimentar ideal para mim e que não poderia retirar nada dele, pois talvez iria emagrecer "mais fácil", talvez, porém, minha saúde poderia ficar comprometida.

Então, ela me receitou um fitoterápico, de Garcinia cambogia, para dar uma acalmada nas bichas e assim não sentir aquela ansiedade, aquela vontade doida de comer doces e tal. Mandei manipular e já comecei a tomar.

Voltei com os florais, para ver se consigo me concentrar.

Ela me elogiou por ser sincera, quando disse que tinha seguido meia boca, que comia demais em determinadas refeições e tal. Não adianta pedir ajuda e não ajudar quem te ajuda, entendeu?

Ela está fazendo sua parte, eu é que não estou cumprindo minha parte no acordo.

Não acho que seja falta de força de vontade, vontade todo mundo tem, né? Acho que a disciplina está em falta.

Lembro que quando morava no apê com meu marido (para quem não sabe, moramos com minha mãe desde que meu pai faleceu), eu fazia muita coisa, comidas, tudo para me ajudar na dieta e pesava entre 63 e 65 quilos. Tô tentando voltar para aquela disciplina toda.

E outra: preciso ser sincera comigo mesma. Eu me sabotava e me fingia de morta. Teve vezes que um potinho de requeijão vegetal não durou 3 dias, e hoje consigo que ele dure uma semana, porque uso com disciplina, sem me sabotar.

Acho que é uma questão de disciplina, realmente. Força de vontade chega uma hora que vira um balão e de tão cheio estoura.

Estou tentando ir para um lado mais disciplinado do que para um lado de força de vontade, motivação e coisarada.

Tenho um plano a seguir, que levará tempo para chegar no objetivo, assim como um medicamento, preciso seguir o tratamento para chegar lá.

Radical? talvez, talvez...

Criei um blog para registrar o que como e assim a nutricionista acompanhar e dar uns pitacos, se chama www.samantacomendomato.blogspot.com.br  , e meu marido tá acompanhando também, pois ele quer me ajudar. Está lá para todo mundo ver.

Acho que é isso, por hoje.

Voltaremos, em breve!

Bjus! Bjus!

2 comentários:

  1. É isso aí Sammy! Quando a gente consegue ser sincera com a gente mesmo, conseguimos ver os nossos erros e tentar corrigi-los.Beijos

    ResponderExcluir
  2. Oi Sammy!
    Guria, comigo foi a mesma coisa na última vez que fui na nutri! Eu acho ridículo tu chegar lá e dizer "Não sei o que aconteceu... segui tudo certinho mas não emagreci..." ... Ah, tá bom né!

    Então eu falei também para ela que, daquela vez (final do ano passado), tinha seguido uns 70% do planejado... e ela me agradeceu por ter sido sincera com ela, por que ela tem que se basear no que a gente fala, como você mesma disse!

    E as sabotagens são fogo mesmo... eu quase me sabotei agora no almoço... tinha macarrão e minha vó colocou um pote de farofa (QUE EU AMOOOO) do meu lado. Acontece que acabamos almoçando tarde e eu tava com fome mesmo, então optei apenas pelo macarrão como fonte de carboidratos, na porção planejada com a nutri. Podia ter pegado uma colherzinhazinha de farofa né... não, não podia... faz diferença sim e são estas sabotagens que fazemos com nós mesmas (só um pedacinho a mais...) que manda todo o esforço pro ralo!
    Vou lá no teu blog novo dar uma olhada!

    Abraço!

    Thais
    agendafocoecozinha.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Fiquem à vontade!