Amor próprio

Acho que estou conseguindo ficar apaixonada por mim mesma.

Acho que esse amor bateu forte aqui.

Estou conseguindo me sentir bem, sinto algo bom transbordando dentro de mim. Vontade de me cuidar, fazer as coisas por mim. Vontade de me vestir bem, de quebrar meus próprios preconceitos.

Acho que o divisor de águas foi o blog da Ju Romano (http://juromano.com), vi ela com um vestido que me apaixonei à primeira vista. Mas o que tem a ver uma coisa com a outra? Ela é gorda. E linda, se veste tão bem... Eu NUNCA entrei num blog de moda plus size. Todos os blogs que já visitei eram de pessoas magras mostrando várias roupas descoladas, mas como não sou magra e sim gorda ( e teve uma época que me achava gorda, mas não era né), nem me animava muito em tentar correr atrás de tentar imitar ou me inspirar. Mas depois de acessar aquele blog... me senti representada.

Parei de ter vergonha de mostrar os joelhos gordinhos usando vestido. Comecei a achar lindo mostrar eles.

Uma coisa que o pessoal confunde muito nisso tudo, nesse lance de amor próprio é há duas coisas, uma diferente da outra (quem levantou a questão primeiro foi no blog Cottage Regressiva http://www.cottageregressiva.com.br/ da Raquel e preciso falar sobre isso):

-> Não esperar emagrecer X quilos para se cuidar, se vestir bem...
-> Aceitar que é do jeito que é porque não quer / tá cansada de tentar mudar.

Quando defendo o amor próprio em qualquer tamanho, defendo que a gente primeiro deve se amar e assim, depois, a gente pode tentar mudar.

Não espere uma barriga tanquinho para se sentir bem, não espere N centímetros de cintura para se sentir feliz. Seja feliz hoje e se tiver algo a ser mudado, que se mude, mas com muito amor por si no coração.

Eu não consigo mais fazer dieta restrita e ter vida baseada em "FIT", "foco, força, fé", "só chega lá quem corre atrás", etc... Porque me dá COISAS essas forçações de barra.

Tive que largar tudo, me "desintoxicar" (mesmo que isso tenha significado 6kgs a mais) para então conseguir me amar e conseguir me cuidar.

2 comentários:

  1. Oii! Estou voltando a escrever no blog, depois de quase 2 anos. Condordo contigo no quesito amor próprio, se não tivermos ,quem terá? Estou na luta para emagrecer, não por modismos, mas sim porque fiquei muita acima do peso e afetou minha saúde, então num primeiro momento tive que ser rígida, mas depois vai ser reeducação alimentar mesmo!Vou visitar os blogs que falaste!Bjus

    ResponderExcluir
  2. oi Flor concordo com você, independente do peso eu sempre me cuidei, claro que eu tinha certas dificuldades em relação a encontrar roupas legais, a maioria das roupas plus são senhoris, temos que nos amar como somos e como estamos e isso faz toda a diferença! BEijo

    ResponderExcluir

Fiquem à vontade!